Home Notícias Alunos do Tempo de Sustentabilidade visitam Secretaria de Serviços Urbanos de SBC

Alunos do Tempo de Sustentabilidade visitam Secretaria de Serviços Urbanos de SBC


Alunos do Tempo de Sustentabilidade na Secretaria de Serviços Urbanos de SBC


Cerca de 30 alunos da Escola Municipal de Educação Básica (Emeb) Waldemar Canciani, localizada no Parque Imigrantes, visitaram a Secretaria de Serviços Urbanos de São Bernardo do Campo na manhã desta quinta-feira (21). Os estudantes, integrantes do projeto Tempo de Sustentabilidade – ação desenvolvida pela rede municipal com os alunos do Programa Tempo de Escola --, foram recebidos pelo titular da Pasta, que explicou sobre algumas das atribuições da secretaria, entre as quais, o sistema de coleta seletiva porta a porta e o macroprojeto de drenagem Drenar.

 

Os alunos aproveitaram o encontro com o secretário para entregar uma pasta com fotos e outros materiais que compõem pequeno diagnóstico sobre problemas do bairro. Eles também apresentaram o trabalho desenvolvido na Emeb, intitulado "Guardiões da Natureza", onde semanalmente andam pelas ruas do entorno da unidade escolar para conscientizar os moradores sobre sustentabilidade e preservação.

 

Entre perguntas e apresentações, tanto por parte dos estudantes quanto do secretário, o grupo soube que a coleta seletiva porta a porta chegará à região do Parque Imigrantes em novembro. Outra novidade, também informada aos alunos, foi que seis ruas do bairro receberão capa asfáltica ainda neste ano.

 

Durante o encontro com os estudantes, o secretário falou sobre a importância da visita e afirmou que a Prefeitura tem trabalhado para transformar São Bernardo. "O que vocês trouxeram, além de importante, nos incentiva a continuar trabalhando para fazer de nossa cidade um lugar cada vez melhor de se viver. E a participação dos moradores no processo de transformação de nossa cidade é uma marca do governo municipal", avaliou o secretário.

 

Sinalização -- Os alunos enfatizaram que o Parque Imigrantes é situado às margens da Represa Billing, com muitas chácaras no entorno. Por isso, o local necessita de mais placas de sinalização para indicar que é proibido jogar lixo e entulho, bem como papeleiras para as ruas do bairro. Com a garantia da retaguarda da Prefeitura, o grupo se comprometeu em continuar percorrendo as ruas do bairro para convencer os moradores sobre a importância da preservação ambiental e das práticas sustentáveis.

 

"No nosso bairro muita gente joga lixo nas ruas e fora das caçambas. E isso é muito errado, pois moramos ao lado da represa. Vamos levar todas essas melhorias sobre as quais ficamos sabendo aqui para incentivarmos todos os moradores da comunidade", destacou Ghiulia Pereira, umas das alunas do projeto.

 

Para a Educadora Social Cibele Mateus, incentivar desde cedo práticas corretas entre os alunos é o melhor caminho para um futuro com condições de desenvolvimento sustentável. "Esse contato direto dos nossos alunos com um gestor público é muito importante, pois eles serão agentes multiplicadores dessas práticas. Isso é exercer cidadania desde cedo, seja no nosso bairro, na escola ou nas esferas de governo. O aprendizado é recíproco para todos", apontou.



Fonte: Prefeitura de São Bernardo do Campo