Home Notícias Prefeitura de SBC amplia coleta seletiva porta a porta

Prefeitura de SBC amplia coleta seletiva porta a porta


Coleta Seletiva São Bernardo do Campo


A coleta seletiva porta a porta passa a atender a partir mais 24 bairros de São Bernardo do Campo, maior número desde a implantação, em junho de 2013. Até então, nove bairros contavam com o serviço. O evento, comemorativo ao primeiro ano de implementação e ao Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado na quinta-feira (5), ocorreu no Ginásio Poliesportivo José Vicente Lopes "Tozinho", no Jardim do Lago. O bairro completa 60 anos neste mês. 

A expectativa é de que com a expansão chegue a 2,2% a coleta seletiva na cidade. Com a inserção dessas regiões, o serviço passa a atender 280 mil moradores, cerca de 38% da população. São Bernardo conta atualmente com duas cooperativas de reciclagem que, juntas, empregam 110 trabalhadores e recebem o material recolhido.

Presente ao evento, o secretário de Serviços Urbanos disse que a meta é ter 100% do lixo da cidade destinado à reciclagem até 2016. Para isso, pediu a colaboração da sociedade. "Não adianta iniciar a coleta se as pessoas não separarem para a gente coletar. É preciso o envolvimento de todos, dos mais novos aos mais velhos, para que tenhamos uma cidade melhor e um mundo melhor no futuro. No Brasil estamos jogando fora US$ 8 bilhões a cada ano em material que poderia ser reciclado."

Os 24 bairros foram divididos por dia de coleta: sextas à noite no Parque Espacial, Carminha e Vila Cruzeiro; terças pela manhã no Jardim Laura, América do Sul, Vila União, Jardim Anna Faletti e Núcleo João de Barro; terças no período noturno o serviço vai atender o Jardim do Lago, Vila Vitória, Jardim Cláudia, Jardim Ipê e Parque das Flores; e, finalmente, a coleta vai passar nas quintas à noite pelo Jardim Detroit, Jardim Santa Mônica, Sítio Bom Jesus, Parque Veneza, Jardim Ipanema, Jardim das Oliveiras, Jardim Central, Jardim Ipê III, União e Força, Jardim Alvorada e Novo Lar. Os resíduos comuns continuam a ser recolhidos normalmente. 

Podem ser separados para a coleta papéis, papelões, jornais, revistas, cadernos, folhas soltas, caixas e embalagens em geral, incluindo longa vida, garrafas, copos, potes, sacolas, garrafas PET, latinhas de alumínio, latas e outros metais e vidros, que devem estar separados dos outros materiais e embalados de forma segura. 

Entretanto, devem ser colocados em lixo comum os restos de comida, cascas de frutas e de legumes, guardanapos e lenços de papel usados, papéis e papelões engordurados, fotografias, fita crepe e etiquetas adesivas, sujeira das vassouras, de cinzeiros, de animais e chicletes.

 


Fonte: http://www.saobernardo.sp.gov.br/comuns/pqt_container_r01.asp?srcpg=noticia_completa&ref=11296&qt1=0